Todas as santas manhãs temos que pedir ajuda para nos empurrarem...aqui às 06:00 no deserto Núbio! Temos tudo filmado mas andamos com problemas no som dos vídeos, mostraremos tudo depois.

Diário: Descer o Nilo

Magrebe!

Todas as santas manhãs temos que pedir ajuda para nos empurrarem...aqui às 06:00 no deserto Núbio! Temos tudo filmado mas andamos com problemas no som dos vídeos, mostraremos tudo depois.

Todas as santas manhãs temos que pedir ajuda para nos empurrarem…aqui às 06:00 no deserto Núbio! Temos tudo filmado mas andamos com problemas no som dos vídeos, mostraremos tudo depois.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Este post é resumido e escrito em cima do joelho pois já chegámos ao norte do Sudão onde amanhã apanhamos um Ferry de 2 dias para o Egipto!

Em Adis Ababa esperámos uma semana para sacar o visto do Sudão, e pelo email milagroso de um amigo “importante” do Wims o holandês dono do hostal onde vivemos 22 dias. Ele chegou e na mesma tarde deram-nos o visto! África move-se em contactos.

Arrancámos como doidos e fizemos 3.000 km em 5 dias. O objectivo era chegar na véspera do ferry semanal que une o Sudão e Egipto todas as quartas. Chegámos terça às 18:00 estoirados e tínhamos o último lugar livre no cargueiro! Os outros carros lá estacionados eram todos conhecidos: os polacos que conhecemos em Nairobi, a família com cinco filhos franceses, e um casal americano amigo. Há 18 dias que o cargueiro estragado os fazia esperar e desesperar no Assuão! Ou seja, o nosso erro de deixar o visto do Sudão caducar não nos tinha atrasado a viagem nem um segundo. Viajamos com a velhinha 4L, sempre atrás, mas sempre a acompanhar nossos amigos Land Cruisers J

Estamos felizes e nas lonas: os seguros de saúde caducaram, a minha carta internacional também, o meu passaporte não tem folhas vazias, os meus cartões multibanco foram clonados e anulados e os calções rasgam-se por todos os lados.

Tudo nos empurra para o final.

Adeus África negra dos sorrisos rasgados, chegámos à última etapa.

 Por Carlos Carneiro (filho)

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixar uma resposta